Estante de Maio

Mês passado acabei não vindo aqui contar o que de legal assisti e li durante o mês. Mas não vou perder esse hábito e estou aqui de novo, mesmo que um pouquinho atrasada. Estou bastante contente em conseguir ver pelo menos quatro filmes por mês, o que era minha meta há bastante tempo, e estou vendo até mais que isso.

Interestelar-terra-para-echo-oblivion-destino-de-jupiter-blog-queimei-meus-navios-filmes-livros-leticia-almeida

Terra Para Echo (Earth to Echo) – 2014
Direção: Dave Green
Gênero: Ficção Científica
★★★★★

Que filme gostoso, bem estilo sessão da tarde. A história do grupo de amigos que se metem em várias confusões numa aventura para salvar um amiguinho extraterrestre lembra bastante filmes clássicos dos anos 80/90 como Conta Comigo e ET. Também foi inevitável pra mim compará-lo um pouco com outro mais moderno que segue esse estilo, o Super 8.

O Segredo do Vale da Lua (The Secret Of Moonacre) – 2008
Direção: Gabor Csupo
Gênero: Aventura; Infantil
★★★

Filme bem sessão da tarde, parece que esse mês foi o que mais rolou pom aqui! A história é bem bobinha e clichê, e pra falar a verdade quase não me lembro do que acontece no filme então vou deixar um pedaço da sinopse: Quando o pai de Maria morre, deixando a garota de apenas 13 anos órfã, ela é forçada a deixar sua vida luxuosa em Londres para ir morar com Sir Benjamin, um tio excêntrico que ela não sabia da existência, na misteriosa mansão em Moonacre. Não demora muito e Maria se vê em um mundo sombrio e cheio de disputas de interesse e poder entre o tio e a sinistra família de Coeur De Noir. A jovem também descobre que ela é o centro de tudo, uma vez que é a última princesa herdeira da linhagem. Maria, agora, será guiada por uma legião de estranhos aliados, na tentativa de manter a honra de sua família e evitar que Moonacre desapareça para sempre.

O Destino de Júpiter (Jupiter Ascending) – 2015
Direção: Irmãos Wachowski
Gênero: Ação; Aventura; Fantasia
★★

Que decepção esse filme! Os efeitos especiais apesar de tecnicamente bons deixam o filme visualmente cansativo, além da história ter ficado muito confusa, pouco explorada e igualmente cansativa. As sequências de ação e explosões em geral me pareceram extremamente longas, ou seja, mega cansativas, mais uma vez. Nunca torci tanto pra um filme terminar logo, isso porque nunca deixo um filme sem terminar, questão de honra. Uma decepção completa, não consigo dizer muito além disso. Com aprovação, ou seria reprovação, de 25% no Rotten Tomatoes podemos dizer que não é só eu que compartilha dessa opinião.

Oblivion – 2013
Direção: Joseph Kosinski
Gênero: Ação; Aventura; Ficção Científica
★★★★

A  história do filme é um pouco vaga, não se trata de um filme ruim, gostei bastante até, mas meio que boa parte disso se deve à atuação do Tom Cruise. Nada de novo nem de surpreendente, pra quem gosta de ficção científica não deixa de valer a pena, mas não vá esperando muita coisa.

Interestelar (Interestellar) – 2014
Direção: Christopher Nolan
Gênero: Aventura; Ficção Científica
★★★★

Um filme hypado, sim, muito talvez. Mas ok, vamos lá, os apelos emocionais do filme não me cativaram, achei tudo frio e deslocado e o ritmo também não ajudou. Os efeitos visuais são realmente fantásticos, assim como em Gravidade, visualmente falando. As teorias que dão base para o filme são realmente muito interessantes, e pra quem gosta de ciência além da ficção científica é um prato cheio. A trama que serve como pano de fundo é realmente tocante… Mas tudo jundo pra mim não rolou. Talvez se tivesse visto no cinema teria uma opinião diferente, fiquei com a impressão de ser um daqueles filmes onde os efeitos visuais e sonoros meio que só funcionam bem na telona. Também acredito que li demais e ouvi muitas opiniões sobre o filme antes de assistir o que me fez esperar demais.
Recebi vários dislikes por conta dessas opiniões lá no Filmow. Às vezes a gente esquece que um bom filme não tem como agradar todo mundo, disse que pra mim o filme não rolou e fiquei um tanto decepcionada sim, o que não quer dizer que esteja dizendo que o filme é uma porcaria. Além da minha opinião, que não vou mudar só porque vai de encontro a opinião da maioria, queria deixar um recado, vamos parar de discutir por besteira e atacar o outro como se o fato dele não gostar de um filme super hypado prove por A+B que a pessoa é burra. Quem deixou de gostar do filme em questão não necessariamente tenha deixado de entender as teorias que dão base pra ele, ou de dar o devido valor a grandiosidade da produção. Muito menos o fato de você ter gostado tando do filme a ponto de defendê-lo com unhas e dentes e sair por aí atacando quem não gostou te faz mais inteligente.

Extraordinário – R. J. Palacio
★★★★

IMG_20150523_000009

O livro é lindo, um pouco melancólico, mas com uma mensagem muito bonita. A leitura é leve e agradável. Um livro infanto juvenil que pode agradar bastante mesmo um público um pouco mais velho.


Instagram ancora-icone-blog-queimei-meus-navios Twitter ancora-icone-blog-queimei-meus-navios Facebook ancora-icone-blog-queimei-meus-navios Filmow ancora-icone-blog-queimei-meus-navios Skoob ancora-icone-blog-queimei-meus-navios Flickr 

Anúncios

2 comentários sobre “Estante de Maio

  1. Muito boa as análises. O Destino de Júpiter: Concordo.
    Já Interestelar… Como você disse: Talvez alguns efeitos ( sonoros e visuais) tenham o impacto que o diretor ( Nolan) queria apenas no cinema. Um dos melhores filmes que já vi, mas fazer o que. Já Oblivion, gostei. O filme tem um “time” legal, mas quanto mais se encaminha pró fim, mais vai ficando… Fraco. Os outros, ainda irei ver.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s