Dias despretensiosos

Contagem regressiva para o meu aniversário (28/31)

Odeio pendências, a sensação de que tem algo esperando por mim para ser feito, algo que eu preciso fazer com um prazo definido. É muito comum eu conseguir transformar algo que decidi fazer por prazer em um fardo por causa dessa minha incapacidade de lidar com coisas que têm de ser feitas com um prazo definido.

Quando a ideia de fazer esse conjunto de posts, em contagem regressiva para o meu aniversário, surgiu me animei logo e comecei a fazer uma lista dos posts que pretendia fazer, mas ainda não tinha concluído a lista (ainda não concluí por sinal) quando chegou a hora de fazer o primeiro post. E aqui estou eu no terceiro dia do projeto me questionando se isso será algo que me dará prazer ou apenas stress.


Ontem tive um dia corrido, porém inspirador. Consegui respirar um pouco de ar puro já no início da noite, quando todas as obrigações do dia já tinha sido quitadas. Tomei um banho frio e demorado com cheiro de lavanda. Tive ideia pra um texto enquanto estava no banho. Quando sentei diante da folha em branco a ideia já tinha se tornado um emaranhado de fios, fios tão frágeis, impossíveis de serem desembaraçados sem que se quebrem. Era uma vez um texto. A ideia foi parar no lixo.

Mas outras ideias ficaram guardadas no caderno amarelo que levo sempre comigo. Ideias que me roubaram o sono. Sou ansiosa nata, quando penso em algo quero logo pôr em prática, virar a noite. A única coisa que isso gera são manhãs sonolentas, e as ideias de ontem ainda estão só no papel.

Depois de ter acordado tarde resolvi não fazer nada, ter um dia despretensioso pra quem sabe assim as ideias não se transformarem em um fardo. Em meio as revistas antigas e a música atual tentei cultivar um pouco de prazer e calma. Não posso dizer que tive sucesso absoluto nessa tentativa, sou uma navegante do caos. Mas enfim tenho um post em mãos. O que pelo menos minimiza aquele amargor de saber que tenho algo que precisa ser feito e ainda não fiz.

É, talvez tenha me descoberto apenas mais uma dessas pessoas extremamente caxias que não se dão ao luxo de desfrutar de atividades banais sem antes dar cabo das obrigações.
Mas agora que terminei esse post, vou ali ler um blog que acabei de descobrir. Um blog florido que fala de calma.


Instagram ancora-icone-blog-queimei-meus-navios Twitter ancora-icone-blog-queimei-meus-navios Facebook ancora-icone-blog-queimei-meus-navios Filmow ancora-icone-blog-queimei-meus-navios Skoob ancora-icone-blog-queimei-meus-navios Flickr 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s